Aprenda como fazer a gestão de dívidas em 6 passos.

Fale com um especialista agora gratuitamente!

Compartilhe nas redes!

Gestao De Dividas Tudo O Que Um Gestor De Comercio Precisa Saber Blog - Contabilidade no Rio de Janeiro | Oliveira e Schettini

Gestão de dívidas: saiba como fazer de forma efetiva

Saiba como fazer uma boa gestão de dívidas de forma simples e clara.

Para fazer uma boa gestão de dívidas, é preciso analisar os créditos e débitos da conta, e todas as dívidas de forma precisa. 

Se você é um empreendedor do comércio e não quer mais errar neste assunto, continue lendo este artigo.

Passo a passo para uma gestão de dívidas eficaz

1- Encare o débito!

Não permita que ele seja um empecilho para você alcançar seus objetivos. Pois, quanto menos dívidas, maior a chance de equilibrar seus rendimentos. 

2- Descubra a origem das dívidas!

Avalie a origem desses débitos. Coloque em um papel todos os gastos e marque a origem de cada um deles. Neste processo, você irá perceber a qualidade das suas decisões. Se o que você está adquirindo é realmente necessário.

3- Saiba qual o valor total dos seus débitos! 

Coloque juros e taxas adicionais nesta conta. Assim, você poderá esclarecer e projetar os valores corretos a serem pagos nos próximos meses ou anos. O que poderá lhe permitir criar uma estratégia de vendas para que esse compromisso seja cumprido.

4- Onde estão os maiores juros?

Descubra em qual dívida está sendo cobrada os maiores juros. Elenque-as do maior para o menor. Dê preferência às dívidas com os maiores débitos e maiores juros. Afinal, elas devem ser as primeiras a serem pagas, para que não cresçam. 

5- Negocie as dívidas!

Nessa etapa, você irá entrar em contato com todos os credores a fim de conseguir melhores condições de pagamento e descontos. Sendo assim, não adianta apenas expor seu problema, é necessário que você trace um plano para alcançar isso.

Você precisará mostrar ao credor que quer honrar a sua dívida e está fazendo tudo o que pode para quitá-la o mais rápido possível. 

6- Cuidado com novos parcelamentos!

Não faça parcelamentos até que você possa quitar os seus débitos. 

Na etapa onde você avaliou se seus gastos eram necessários, você aprendeu uma lição. É hora de aplicá-la!

Cuidado para não ter as mesmas atitudes que te levaram a ter o resultado atual. Esse é um passo importantíssimo na gestão de dívidas

Caso ele seja ignorado, você irá entrar em um círculo vicioso e pode acabar não conseguindo honrar seus compromissos.

Isso irá comprometer seu negócio, pois caso você precise de alguma ajuda de algum fornecedor, a quem já esteja devendo, dificilmente conseguirá. 

Gerencie muito bem as ferramentas financeiras que tem em mãos. O uso do cartão de crédito, por exemplo, deve ser ponderado.

Oliveira Contábil: tudo o que a sua empresa precisa para se desenvolver em um só lugar

É preciso adquirir o hábito de fazer a gestão de dívidas, ele se fundamenta neste passo: anotar seus ganhos e gastos. 

Afinal, a partir dele, é possível mapear o comportamento que deverá ser adotado, e que será o mais indicado para que você não retorne ao mesmo problema.

Coloque-os em categorias como fixos e variáveis. De forma que estejam ligados à necessidade e constância.

Nós, da Oliveira Contábil, temos a expertise e os serviços que a sua empresa precisa para uma administração completa, e que também contemple a gestão inteligente de dívidas.

Clique no ícone do WhatsApp, presente na sua tela, e fale agora com um de nossos especialistas.

ENTRAR EM CONTATO!

Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Oliveira e Schettini Contabilidade.

Estamos preparados para atender clientes de pequeno, médio e grande porte, desenvolvendo uma contabilidade consultiva e oferecendo sempre uma solução inteligente e eficiente para quem precisa focar em seu negócio. 

Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website; caso prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior direito.

Estamos apenas te esperando.

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Classifique nosso post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Concliação Bancária Se Resolve Só Com Planilha Como Um Bpo Pode Ajudar Seu Consultório - Contabilidade no Rio de Janeiro | Oliveira e Schettini

BPO para conciliação bancária: saiba mais!

Conciliação Bancária: Planilha ou BPO? Descubra como o BPO pode ser a solução ideal para a conciliação bancária do seu consultório. A gestão financeira é a parte essencial de qualquer negócio, e para os consultórios médicos, a conciliação bancária é

Descubra Os Impostos Pj Como Reduzir Seus Custos E Aumentar Seu Lucro! - Contabilidade no Rio de Janeiro | Oliveira e Schettini

Impostos PJ: como escolher o melhor regime e pagar menos!

Impostos PJ: O Que São e Como Funcionam? Entenda os impostos PJ, como eles funcionam e aprenda estratégias para pagar menos. Torne-se um profissional liberal mais bem-sucedido! Você, como profissional liberal, já se perguntou sobre os impostos PJ?  Entender esses

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Back To Top